Mísseis russos atingiram a Ucrânia enquanto Viktor Orbán pedia um cessar-fogo na China

O primeiro-ministro húngaro, Viktor Orbán, fez uma visita surpresa a Pequim na segunda-feira, onde o presidente chinês, Xi Jinping, apelou a um esforço global para levar a Rússia e a Ucrânia a um “cessar-fogo” e elogiou os esforços diplomáticos de Orbán. Foi uma demonstração poderosa de como Xi e o Presidente russo, Vladimir Putin, estão a tentar criar uma ordem mundial multilateral que não seja dominada pelos Estados Unidos.

Mesmo quando Xi abraçou Orban na capital chinesa, mísseis russos atingiram Kiev, Dnipro e outras cidades ucranianas na segunda-feira – matando pelo menos 31 pessoas, incluindo duas num hospital infantil em Kiev, e destacando a brutalidade da guerra de Putin.

Em resposta ao ataque com mísseis, mas aparentemente a novas manobras diplomáticas, o presidente ucraniano Volodymyr Zelensky apelou à pressão global para parar a agressão da Rússia. “O mundo inteiro deve usar toda a sua determinação para pôr fim aos ataques russos”, escreveu Zelensky no Telegram. “Matar é o que Putin traz. Somente juntos poderemos trazer verdadeira paz e segurança.”

O Ministério da Defesa russo confirmou num telegrama que realizou um grande ataque com mísseis contra a Ucrânia na segunda-feira, mas insistiu que os alvos eram “instalações industriais militares ucranianas” e “bases aéreas”.

A visita de Orban à China segue-se às visitas a Kiev e Moscovo na semana passada, poucos dias depois de a Hungria ter assumido a presidência rotativa do Conselho da União Europeia. Os seus esforços para alcançar a paz suscitaram críticas no Ocidente, tal como a sua tentativa de pressionar Kiev a entregar o território que Moscovo tinha tomado à força.

ser apanhado

Histórias para contar para você

Em Bruxelas, as autoridades rejeitaram os esforços de Orbán, dizendo que ele não tinha autoridade para conduzir a diplomacia para a UE e que “deveria ficar claro que ele apenas representa o seu próprio país”, disse um diplomata da UE, porque não foram reconhecidos. Fale com a mídia.

READ  O filme de Beyoncé ganha regras especiais para compradores de ingressos AMC, ocorre reação - prazo

Eric Mamer, porta-voz da Comissão Europeia, insistiu que Orban estava voando sozinho. “Ele não tem mandato nestas visitas para representar a UE”, disse Maymer.

Mas Putin, que recebeu Orbán em Moscovo na semana passada, referiu-se à presidência húngara da UE. Num sinal de uma nova dimensão multilateral na geopolítica, a visita do primeiro-ministro húngaro a Pequim ocorreu horas antes do primeiro-ministro indiano Narendra Modi chegar a Moscovo para uma visita de Estado, a primeira desde que Putin ordenou a invasão da Ucrânia em Fevereiro de 2022.

Numa declaração antes da sua partida de Nova Deli, na segunda-feira, Modi elogiou “o meu amigo Vladimir Putin” e a “parceria estratégica especial e privilegiada entre a Índia e a Rússia”. Depois que ele pousou, a mídia russa e indiana mostrou Modi, vestido com um manto turquesa brilhante, chegando ao seu hotel em Moscou, ladeado por dançarinos indianos e simpatizantes agitando bandeiras indianas.

As compras indianas de petróleo russo, que aumentaram 20 vezes desde 2021, ajudaram Moscovo a resistir às duras sanções ocidentais impostas em resposta à invasão da Ucrânia.

Modi, que foi reeleito no mês passado, exibiu a sua autonomia com uma visita a Moscovo, apesar do árduo trabalho da administração Biden para cortejar o compromisso do líder indiano.

“O senhor Putin vai querer transmitir ao público: a Índia é uma amiga, toda esta conversa sobre isolar a Rússia é conversa fiada, nem todos estão sob o controlo do Ocidente liderado pelos EUA, um mundo assimétrico mas multilateral chegou”, disse. Nandan Unnikrishnan, da Observer Research Foundation, um think tank em Nova Deli Diretor do Projeto Eurasiático “A Índia reconhecerá que este é um mundo multipolar. [India] Está ligeiramente inclinado para oeste.

A visita de Orban à China representou uma vitória diplomática para Putin, que há muito defende uma ordem mundial multilateral e não ocidental. Putin tem insistido que o Ocidente, particularmente os EUA e a Grã-Bretanha, são responsáveis ​​pela continuação da sua guerra na Ucrânia, não pressionando Kiev a capitular às suas reivindicações territoriais.

READ  Os movimentos de xadrez de Matt Painter e a implacabilidade de Zach Eddy levam Purdue à Final Four.

Ao desembarcar na China, Orban Postou uma foto Legendou-se no X: “Peacework 3.0 #Beijing.”

Numa reunião com Orbán em Pequim, Xi disse apreciar os esforços do líder húngaro para encontrar uma solução política para a guerra na Ucrânia, que descreveu como um “conflito”.

“A China e a Hungria partilham as mesmas posições básicas e trabalham na mesma direção”, disse ele.

“Somente se todas as grandes potências exercerem energia positiva em vez de energia negativa é que o início de um cessar-fogo aparecerá em breve neste conflito”, disse Xi, segundo a emissora chinesa CCTV. A China, acrescentou Xi, “defende seriamente a paz e apoia as negociações à sua própria maneira”.

Pessoas limpam escombros e vasculham os escombros depois que um ataque russo atingiu um importante hospital infantil em Kiev, em 8 de julho. (Vídeo: Reuters)

Numa entrevista ao jornal alemão Bild, Orban insistiu que a Ucrânia nunca poderia derrotar a Rússia. “Não há solução para este conflito na linha de frente”, acrescentou: “Putin não pode perder se você olhar para os soldados, equipamentos e tecnologia. Derrotar a Rússia é difícil de imaginar. A probabilidade de a Rússia ser realmente derrotada é absolutamente incalculável.

Entretanto, com as forças russas a ocupar um quinto do seu território e a chover mísseis e bombas sobre as suas cidades, a Ucrânia insistiu que não pode concordar com qualquer cessar-fogo. Numa cimeira de “paz” na Suíça no mês passado, Zelensky apelou à retirada completa das tropas russas, incluindo a ausência visível da China. A Rússia não foi convidada.

Pequim rejeitou as críticas da Ucrânia, da Europa e dos Estados Unidos sobre a sua decisão de ignorar a conferência de paz organizada pela Suíça, argumentando que a Rússia não pode participar nas conversações se for excluída. A China, juntamente com o Brasil, apresentou a sua própria proposta de seis pontos, que as autoridades chinesas disseram ter o apoio de dezenas de países do mundo em desenvolvimento.

READ  Muitos sistemas de saúde recuperam necessidades - NBC Chicago

Da perspectiva de Pequim, o Ocidente tem actuado como um obstáculo para a Rússia e a Ucrânia se sentarem e negociarem directamente, disse Qi Hongjian, um estudioso de relações internacionais da Universidade de Estudos Estrangeiros de Pequim. Pequim “deve ter voz, deve ter uma posição”, disse Cui.

A suposta neutralidade da China fez com que o comércio da China com a Rússia crescesse à medida que a guerra se arrastava para o seu terceiro ano – com provas crescentes de que as empresas chinesas fornecem apoio económico e indirecto à base militar-industrial da Rússia.

Em declarações e aparições públicas, Putin e Xi demonstraram maior alinhamento na sua ambição partilhada de remodelar a ordem global e enfraquecer a influência dos EUA.

Xi e Putin reuniram-se na semana passada no Cazaquistão, onde Putin falou do progresso em direção a uma “ordem mundial justa e multilateral” durante a reunião anual da Organização de Cooperação de Xangai.

Nessa reunião, Putin sugeriu a retomada das conversações em Istambul em 2022, após a invasão da Rússia, quando a Ucrânia estava num estado frágil. Ao longo dos anos, cada lado sofreu dezenas de milhares de baixas e a Rússia fez poucos progressos na anexação ilegal de quatro regiões do sudeste da Ucrânia, com exceção da Crimeia, que tomou à força em 2014.

Em Moscou, na segunda-feira, o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse que Moscou apoiava os esforços diplomáticos.

“O presidente Vladimir Putin é um firme defensor da priorização dos esforços políticos e diplomáticos para resolver o conflito ucraniano”, disse Peskov.

Shepherd relatou de Taipei, Taiwan e Shih de Nova Delhi. Serhii Korolchuk em Kiev, Kate Brady em Berlim, Emily Rauhala em Washington e Natalia Appakumova em Riga, Letónia contribuíram para este relatório.

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *